MENESTREL IALMAR PIO SCHNEIDER


25/01/2013


TROVA de IALMAR PIO - IMAGEM da INTERNET

06/08/2008


TROVA de IALMAR PIO

 

Trova 347

Ao lembrar aquele amor,

hoje morto e sepultado,

vem toldar o meu sol-pôr

uma nuvem do passado...

 

Ialmar Pio

Apaixonado

 

Escrito por IALMAR PIO às 00h58
[ ] [ envie esta mensagem ]

SONETO de IALMAR PIO - AQUARELA de ÂNGELA PONSI

 

Aquarela de Ângela Ponsi

MÁGOAS E QUEIXAS

 

Ialmar Pio Schneider

 

                            Fazer versos é fácil - dir-me-eis -

                            se lerdes minhas páginas singelas

                            e simplesmente reparardes nelas

                            mágoas que nem de longe conheceis....

 

                            Se assim pensardes, nunca entendereis

                            da própria alma as fatídicas procelas

                            surgindo à noite, não em tardes belas,

                            e sois felizes porque não sofreis...

 

                            Se, no entanto, sentirdes a tristeza

                            transparecendo aqui nas entrelinhas

                            destes versos, que os leva a correnteza

 

                            a transbordar em zonas ribeirinhas,

                            é possível que tendes, com certeza,

                            queixas amargas iguais às minhas !

 

                   CANOAS, 12-12-86 - O TIMONEIRO - Pág. 15

_______________________________________________________________________

 

 Apaixonado

 


[Rosangela] [rosangelarm58@hotmail.com]
devo queixas quais as suas,pq me identifiquei com seu versos Um grande beijo

20/11/2009 23:21

 

Escrito por IALMAR PIO às 01h41
[ ] [ envie esta mensagem ]

23/01/2013


TROVA de IALMAR PIO - IMAGEM da INTERNET

 

16/08/2008


TROVA de IALMAR PIO

 

348

Quem amou sente saudade

no fundo do coração,

inda que a felicidade

seja simples ilusão...

 

Ialmar Pio           

 

Escrito por IALMAR PIO às 00h45
[ ] [ envie esta mensagem ]

22/01/2013


TROVA de IALMAR PIO - IMAGEM da INTERNET

 

30/07/2008


TROVA de Ialmar Pio

 

 

Trova 346

No aconchego dos teus braços

busco ternura e carinho,

quando esqueço meus fracassos

e não vivo mais sozinho...

 

Ialmar Pio

 

 

Escrito por IALMAR PIO às 13h03
[ ] [ envie esta mensagem ]

20/01/2013


SONETO de IALMAR PIO - AQUARELA DE ÂNGELA PONSI

 

Aquarela de Ângela Ponsi

DOS CONTRASTES...

        

Ialmar Pio Schneider

 

                            Como saber se és anjo, se demônio ?!

                            e assim me quedo nesta conjuntura...

                            Vives total no verso que componho

                            com gosto de pecado e de candura.

 

                            Às vezes pesadelo, às vezes sonho,

                            no dia límpido ou na noite escura,

                            toda minha esperança em ti deponho

                            p’ra ter felicidade ou desventura...

 

                            Procuro te querer e te dispenso

                            com a mesma intensidade, todavia;

                            embora isto pareça um contra-senso.

 

                            Estejas num palácio ou espelunca,

                            és minha na tristeza e na alegria

                            e quem sabe te queira sempre... ou nunca.

 

                   Pág. 22 - O TIMONEIRO - CANOAS, 5.10.84

______________________________________________________________________

 

Apaixonado

 

 

  [ 1 comentário aprovado]

 

  09/06/2011 01:30
Comentar esta mensagem

  Bom dia querido amigo...que soneto incrívelmente delicioso...a dualidade poética que usou deu musicalidade...obrigada por nos presentear... Bj Nê (°°Me£Ô°°)
Neusinha(°°Me£|Ô°°) | http://melodiaecia.blogspot.com |  09/06/2011 09:06
Responder este comentário

 

 

Escrito por IALMAR PIO às 13h24
[ ] [ envie esta mensagem ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sul, PORTO ALEGRE, TRISTEZA, Homem

Histórico